aplicativos de nutrição

Como incorporar aplicativos de nutrição no seu consultório

Os avanços tecnológicos estão presentes no dia a dia das pessoas criando facilidades e comodidades. Para quem quer manter a saúde em dia existem diversos aplicativos que podem ajudar. São apps de exercício físico, controle de dieta e contagem de calorias, por exemplo.

No entanto, esses programas não precisam ser considerados inimigos dos nutricionistas. O profissional pode melhorar o seu serviço adotando alguns aplicativos de nutrição no atendimento dos consultórios.

Ao integrar o uso dessas ferramentas com o software de nutrição, o nutricionista consegue fazer um atendimento mais amplo o que agrada o cliente e que, principalmente, potencializa os resultados do plano alimentar prescrito.

Acompanhe como o uso de aplicativos podem auxiliar você durante a sua consulta e ajudar o seu paciente a atingir os objetivos traçados.

O uso de aplicativos nos consultórios de nutrição

O nutricionista não deve temer os aplicativos por acreditar que a tecnologia será sua concorrente. Pelo contrário, ele deve utilizar os apps como uma ferramenta para melhorar o seu atendimento e fazer com que o paciente se sinta mais estimulado com o plano alimentar prescrito.

O profissional de nutrição pode até argumentar que determinadas pessoas utilizarão os aplicativos de nutrição em vez de procurar a ajuda de um profissional. De fato, isso acontecerá. Mas será que aqueles que preferem o app em relação a um nutricionista qualificado realmente querem fazer uma reeducação alimentar? A maioria deles, provavelmente, não.

Nesse caso, é comum que desistam antes mesmo de começarem. Quem deseja de verdade fazer uma mudança nos hábitos alimentares procurará um consultório ou uma clínica de nutrição.

Facilidades para os pacientes

Os aplicativos são uma excelente ferramenta de motivação para que o paciente se mantenha no plano alimentar. Com eles, o cliente consegue seguir a dieta de uma maneira mais tranquila, uma vez que ele tem nas mãos as principais informações referentes aos alimentos e possíveis substituições, a composição nutricional dos alimentos, à contagem de calorias e aos detalhes dos exercícios físicos.

Já o nutricionista consegue fazer um acompanhamento mais de perto do progresso do paciente, quando ele atualiza o aplicativo com informações referentes à sua dieta. Caso seja necessário, o profissional de nutrição consegue fazer sugestões e/ou alterações no plano alimentar original para que os resultados esperados pelo cliente possam ser alcançados.

O uso de aplicativos de nutrição trazem ainda outras vantagens ao paciente, como o recebimento de lembretes com os horários das refeições, uma maior facilidade para se fazer um registro alimentar diário, o controle sobre a quantidade de calorias ingeridas no dia sendo que o cliente tem a possibilidade de compensar o excesso ou a falta durante outras refeições e o acompanhamento do progresso e do resultado do plano alimentar até aquele momento.

Geralmente, quando sabem que tem um monitoramento constante os clientes tendem a se manterem na dieta e, consequentemente, conseguem atingir o objetivo definido anteriormente junto ao nutricionista durante o atendimento no consultório.

Funcionalidades dos aplicativos de nutrição

Os aplicativos de nutrição têm dezenas de funcionalidades, sendo umas mais úteis que outras, e algumas delas podendo ser incorporadas na rotina do consultório.

Ingestão de líquidos

Manter-se hidratado é fundamental para o bom funcionamento do organismo humano e ingerir a quantidade certa de líquidos faz parte de todo bom plano alimentar. Acontece que algumas pessoas, por distração, por estarem muito ocupadas ou por falta de hábito, simplesmente, se esquecem de beber água.

Esse tipo de aplicativo informa ao paciente quando ele deve beber água e em qual quantidade, utilizando como referência o peso e a altura da pessoa. Para não correr o risco de esquecer, esses apps emitem sinais de alerta indicando o horário correto.

Eles ainda apresentam uma tabela contendo a quantidade de água presente em cada fruta. Caso coma alguma delas durante o dia poderá abater essa quantidade do total diário estipulado para você.

Gestão na alimentação

Alguns aplicativos ajudam o nutricionista e o paciente fazendo a gestão da alimentação. Nesses programas a pessoa necessita inserir algumas informações pessoais como idade, gênero, peso ideal e altura.

Além disso, deve selecionar o objetivo da dieta, se é para eliminar gordura, ganhar massa muscular ou ter uma alimentação mais saudável, e informar se pratica ou não alguma atividade física e com qual frequência.

Com essas informações o aplicativo calcula o Índice de Massa Corporal (IMC) da pessoa, a quantidade de calorias que devem ser ingeridas ao longo de um dia, utilizando uma sugestão de cardápio para as refeições, e o prevê o tempo que essa dieta deva ser seguida para que o objetivo informado seja alcançado.

Exercícios físicos dinâmicos

Todo nutricionista falará para o seu paciente que, independentemente do objetivo de cada, praticar atividades físicas regulares é aconselhável. Quem deseja perder peso precisa se exercitar para aumentar o gasto calórico. Quem quer ganhar massa muscular necessita malhar para aumentar os músculos. E quem procura uma reeducação alimentar para uma vida mais saudável deve se movimentar para aumentar o benefício à saúde.

No entanto, nem todo mundo gosta ou tem tempo de fazer alguma atividade física, por mais simples que ela possa ser. Nesse caso, alguns aplicativos podem ser utilizados para incentivar o paciente a se exercitar.

Alguns apps possuem exercícios físicos dinâmicos, ou seja, são atividades simples, que podem ser feitas na própria residência do paciente, que não exigem muito esforço físico e tempo. Em alguns minutos e seguindo as orientações do programa, a pessoa consegue exercitar seus músculos e suar tendo um bom gasto calórico.

Aplicativos que ajudam no retorno financeiro

Que tal utilizar aplicativos que ajudem o nutricionista a ter um maior retorno financeiro fora do consultório? Nada mal, não é mesmo?

Existem programas que permitem que o nutricionista se torne consultor de algumas marcas de suplementos alimentares, por exemplo. Ao indicar para um paciente e ele adquirir um desses produtos, o profissional recebe uma comissão. Caso o cliente também se torne um consultor, o nutricionista receberá dividendos em cima de cada negociação que os contatos do paciente venham a fazer.

O uso de aplicativos de nutrição no atendimento dos consultórios é uma excelente maneira que os nutricionistas têm de aprimorarem seus serviços. Existem aplicativos que permitem uma integração direta com alguns softwares de nutrição, o que acabam otimizam a consulta e o interesse e os resultados benéficos dos pacientes.

Você utiliza algum aplicativo no atendimento em seu consultório? Aproveite a oportunidade e faça um teste gratuito na plataforma da RealNutri e veja como ser um consultor na empresa é fácil, rápido e seguro.

ficar em forma no verão

Próximo artigo

6 dicas para ficar em forma no verão

Posts populares com esse assunto